quarta-feira, 17 de junho de 2009

Deve estar levante...

...só pode!

Há três noites seguidas que ando a sonhar com o ex-Mr.Big. Acordo exausta e frustrada.

Engraçado é a referência espacial (física). Um edifício ultra moderno, de planta circular, ultra-luxuoso, com o piso de entrada vazado, um balcão, um sofá, pedra polida e um lustre gigantesco. É aí que ele mora..e eu vou ter com ele. Cada vez que o sonho se repete, eu vou sinto-o mais afastado de mim.

O que eu mais tenho receio é de não conseguir voltar a gostar de alguém como eu gostei dele. De não parar de fazer eternas comparações ou conjecturas do que poderia ter sido e não foi.

Custa-me aceitar que ainda não o esqueci. Que no fundo, no fundo, ele está sempre presente no meu pensamento. Faço-me sofrer quando o imagino com a sua mulher. E a sorte que ela tem.

Friamente, penso, o que faria eu se ele reaparecesse outra vez na minha vida. E se ele me quisesse de volta?

Isso nunca vai acontecer...as coisas nunca poderão voltar a ser o que eram. E um casamento pelo meio é trauma demais para se superar.

É difícil engolir um nunca. Mas essa história eu sei que nunca mais vai ser a mesma. No entanto o meu coração ainda não quer acreditar que tudo acabou. Finito. Para sempre. Não nesta vida.

E haverá outra vida...?
It still hurts...I just don't know why!

3 comentários:

Pepper disse...

Eu também sonhava com meu ex, mas já eliminei esses sonhos da minha cabeça.
Só fazem é mal!

Saltos Altos Vermelhos disse...

tens de formatar o cérebro! Não faz bem!

b.vilão disse...

É um processo. E essa fase faz parte do processo. "Fragmentos de um discurso amoroso" do Barthes. Lê. Faz milagres num pós-relacionamento.