sábado, 4 de junho de 2011

Obras - dicas

Sinceramente, não sei como é que as pessoas comuns (que não são da área da construção) se safam nas obras sem ficarem na penúria e com constantes ataques de nervos.


Fazer acompanhamento de obra de um cliente é bem diferente de o fazer para nós próprios. Sou eu que faço encomenda dos materiais. Sou eu que sub contrato os caixilhos, as carpintarias, etc. De resto, vem tudo no 'pacote' do melhor orçamento apresentado com boas referências (convém) de um construtor.


Sou eu que compro os materiais porque tenho descontos que chegam até aos 70% do pvp. Claro que para construtores o desconto ainda é maior, só que eles cobram ao cliente o valor 'normal' e o diferencial é lucro.


Ainda assim, o construtor tenta SEMPRE arranjar trabalhos a mais (para cobrar além do orçamento aprovado). Então basicamente, no decorrer de uma obra temos de ter olhos de águia, de rato, de tubarão, o que for que tiver melhores olhos, porque há coisas que eles simplesmente não vão fazer (ou vão fazer com marcas mais baratas).


E não fiquem melindrados com o confronto directo, eles estão habituados.


Sendo eu da área, e com alguma experiência em obras, já me tentaram passar a perna ziliões de vezes. Ao ponto de eu ter de colocar o nível no tecto falso para provar que ele estava torto (e que não era paranóia minha). Ou então, de eu espalhar os tacos todos no chão para provar que não são precisos mais 100€ para comprar tacos novos.


Sim, posso ser chata e pucuinhas. Vou ser enganada na mesma em certas coisas. Mas é para que aprendam que TODOS os construtores querem fazer o máximo lucro (é a crise) e isso é sempre às vossas custas (da vossa inocência ou da falta de um bom mapa de trabalhos devidamente orçamentado).


Sei que é uma seca estar a debitar sobre estes assuntos, mas é a minha pequena contribuição para a comunidade que pretende andar em obras.

1 comentário:

melisand disse...

Por acaso gosto de ler sobre estas coisas.

Obrigado pelas dicas!

Besitos